SEM DOMÍNIO traz para você aquilo que realmente interessa na comunicação: INFORMAÇÃO SEM MANIPULAÇÃO.

O SEM DOMÍNIO oferece para você a informação sem manipulação. Livre de patrocínios governamentais ou do marketing de interesse, construímos um ambiente multiplataforma de comunicação e diálogo aberto e livre.

Blog dos nossos Colunistas

Aqui você encontra as publicações de nossos grupo de colunistas. Acesse nosso blog e fique por dentro da informação sem manipulação.

Cortes, resenhas e lacrações

No Youtube, mantemos um canal com os melhores momentos de nossas entrevistas. São cortes trazendo o melhor conteúdo, resenhas com as melhores explicações e, as melhores lacrações!

Transmissões ao vivo

Aqui você acessa nosso canal no Twitch.tv e pode assistir ao vivo ou rever nossas entrevistas feitas ao vivo. Sempre às 18:30hs do Brasil, trazemos entrevistas interessantes, com gente real, com informação fiel!

As entrevistas e reportagens (em construção)

Nesse canal do youtube, trazemos as entrevistas que não podem ser realizadas ao vivo por conta do fuso horário ou de outras dificuldades. Também compartilhamos aqui, reportagens feitas por nossos parceiros e equipe.

O tema saúde é, parafraseando o Ex-Presidente, amplo, geral e irrestrito. Implica em pensarmos em uma pessoa fluindo em plenas potencialidade e em sincronia com sua própria natureza. O contraponto de perder a saúde é “ estar doente” nos termos de nossa própria percepção.

O agravo a saúde de momento e da moda é representado pelo Covid-19 e é obrigatório mencioná-lo em um planeta de covidenses como o somos no atual momento. Porém, a importância do tema tem levado que o blog SEM DOMÍNIO tenha trazido renomados cientistas para falar no tema. Ainda assim foi publicado recente estudo sobre a pesquisa de covid no esgoto de cidades e bairros para monitorar o bichinho e perceber que ele vai acontecer só na forma de doença em um determinado espaço geográfico antes de que os sintomas clínicos e as notificações compulsórias alertem as autoridades sanitárias. É extasiante pensar na capacidade humana de prover sua sobrevivência no planeta e não é a toa que continuamos entre as espécies mais capacitadas. Dizem alguns biólogos que só perdemos para as baratas e alguns outros seres nem sempre graciosos. Tantos especialistas sobre o tema nos ensinado no blog me dispensam de falar sobre ele.

Liberdade de expressão

E me libertam para falar sobre um dos temas que tem feito a minha cabeça nos tempos mais recentes. Quando digo que minha formação é médico significa que fui colocado em uma forma específica para desenvolver determinadas tarefas de um modo adrede previsto e socialmente esperadas. Sinteticamente o que a sociedade espera de pessoas como eu é que diagnostique e medique, Identifique a doença e me devolve a tal saúde, estatui a sociedade.

Mas a reslidade se debruça sobre a rima do diagnostique e medique e muda o bem trovado. A saúde não é só um mecanismo automático sincrônico, é um mecanismo que precisa trazer a sensação de bem-estar.

Estar humanamente bem não é consequência de um conjunto de reações teciduais, da bioquímica sanguínea ou das heróicas batalhas de nossos apaixonantes macrófagos( oh celulinha da gota!, como dizem os irmãos lá do nordeste– quem estuda se encanta), A qualidade do bem estar está , é claro, ligada a esses sistemas, que se falham podem nos deixar morrer. Estar humanamente bem depende de atitudes que tomamos e de como nos comportamos.

Ações importantes

Uma das mais importantes ações comportamentais está ligada ao que chamamos disciplina. No nosso mundo tão rapidamente “amodernado” e quero assim chamar essa enormidade de instrumentos, ferramentas , aparelhos e trobiscos de todos os gêneros que facilitam nossa vida, a disciplina foi perdendo seu papel essencial na sobrevivência humana e nos tornamos envolvidos pela lassidão, uma crença mágica de que somos seres nessa etapa da existência do Universo merecedores de que tudo venha a nos.

Na antiga oração – vinde a nós o vosso Reino, para que Reino venha existem duas tarefas a serem cumpridas. A primeira, magnífica, gigantesca, só alcançável por seres de um desenvolvimento psico-espiritual fruto de muito exercicio, que é a aceitação de Vossa Vontade.

Uma pequena pausa . Não estou entrando aqui em nada ligado a religião nenhuma, nem a nenhuma reliogisidade. Estou falando de qualidade de vida. Esse é o tema, Estou falando da lassidão que nos faz crer que o Reino pode vir de mão beijada. Não vem… a segunda tarefa é aquela de pedir perdão pelos nossos erros.

Dívidas

Ferrou! Somos devedores – mas devedores de que? não vai vir tudo de mão beijada? o antidepressivo não foi inventado para ser a pílula da felicidade? Estabilizador do humor não é para me deixar pianinho-pianinho ?

Pois é, propaganda é propaganda e a piadinha do senador que morreu e do diabo nos ensina tudo. O diabo estava em fase de eleição e prometeu para o senador o paraíso, o mesmo que os po[iticos nos prometem. Depois de eleitos votam cada barbaridade que só se compreende entendendo os pecadores da Oração Para quem não lembra o diabo prometeu o paraíso ao senador e, depos de eleito, entregou o que recebemos da maioria de nossos eleitos. Aquele espaço supra citado de procurar covid.

Medicações

Marketing é marketing e medicamento é medicamento. Não podemos permitir que o marketing desacredite os benefícios fantásticos da medicação psiquiátrica moderna em nos ajudar a nos aproximarmos de bem estar. Mas eles não nos levam lá. Vejo esses dois fenõmenos o tempo todo. Como o medicamento é uma benção para os humanos, mas também como precisamos de algo mais para vivenciarmos bem estar e subsequentemente podermos dizer “ sou um humano saudável “.
Você está imerso na lassidão? Vpcê conhece o conceito de disciplina? Como anda seu bem estar? Qual nota você dá para sua vida? O que podemos mudar, ajustar, aperfeiçao para nos aproximarmos do “ Vosso Reino”. Ou só conhecerás as bençãos de Existir após vosso passamento ?

Everson Alberge Buchi

%d blogueiros gostam disto: